domingo, 8 de maio de 2011

Planta baixa e memorial descritivo da escola Centro Educacional Carlo Novarese

Planta baixa

Memorial Descritivo

A planta foi feita a partir da busca do endereço na LOUOS ( Lei de Ordenamento, Uso e Ocupação do Solo de Salvador ), uma vez localizada a escola, o numero  na base Sicar de Salvador foi identificado e assim, foi feita uma adaptação e atualização da base criando uma planta no programa Autocad.
A edificação compreende uma grande área que pertence à OAF-Organização de Auxílio Fraterno, uma ONG que atende crianças e adolescentes, proporcionando-lhes um lar com mães “adotivas” . Foi firmado um convênio com a prefeitura municipal de Salvador para que as crianças tivessem acesso à educação, então parte do espaço físico foi cedido para o funcionamento da escola. Porém, atualmente este convênio não existe mais, então a prefeitura passou a alugar o prédio, mantendo a escola no mesmo local. Além da escola Centro Educacional Carlo Novarese, funciona também, em outro anexo o CSU da Liberdade, outra escola da prefeitura que atende a educação infantil, a CRE-Coorenadoria Regional de Educação da Liberdade, também um órgão da Secretaria de Educação Municipal, além da OAF e de uma faculdade. Na planta foi marcada apenas a área pertencente à escola Centro Educacional Carlo Novarese.
Próximo à escola funcionam pequenos estabelecimentos como, uma lanchonete, uma barbearia, uma mercearia e lanchonete, uma borracharia e um serviço informal de lavagem de carro utilizando-se a água da fonte. O Largo do Queimado é utilizado como “fim de linha” de uma empresa de ônibus e onde está situado o Parque da Embasa, que está sendo transformado num museu.
Os problemas que realmente incomodam são o barulho nas salas de aulas, provenientes dos corredores e da área de recreação, que fica abaixo das salas, além do calor. Isto faz o ambiente se tornar incômodo demais. Acho necessário também a veiculação de informações que gerem uma mudança na mentalidade e visão das pessoas, na busca de um ambiente melhor em todos os aspectos necessários para uma sobrevivência digna de qualquer ser humano. E é claro, para a mudança no ambiente escolar,  se faz necessário e urgente  a existência de uma integração e participação ativa entre secretaria de educação, gestores e professores.

Um comentário:

  1. Parabéns pelo Blog, Maria Adélia.

    Abraços carinhosos,
    Cida de Paula.

    ResponderExcluir